Luana Bandeira, a coleguinha do Caldeirão do Huck que arrasa no samba no pé

Luana Bandeira - coleguinha do programa "Caldeirão do Huck"

Luana Bandeira – coleguinha do programa “Caldeirão do Huck”

A coleguinha do programa “Caldeirão do Huck” Luana Bandeira, que é rainha de bateria da escola Estácio de Sá, compareceu na noite desta sexta-feira (09), na grande final de samba-enredo que a agremiação levará para a Marquês do Sapucaí no carnaval 2016.
Com um micro vestido e um decote generoso, a morena mostrou todo o gingado da mulher brasileira e fez bonito durante toda a festa, mostrando muita simpatia e bastante samba no pé.Apesar de estar alguns anos no cargo, em 2016 a beldade fará sua estreia como rainha do grupo especial do carnaval carioca, pois até o carnaval de 2015 a agremiação estava no grupo de acesso, onde no último carnaval, foi a grande campeã, passando para a elite do carnaval em 2016.

Luana Bandeira revelou a emoção para a grande estreia:

– A emoção não poderia ser maior né ? Estou na escola a 7 anos e esse tempo todo no grupo de acesso, eu vim da ala de passista e consegui o cargo de rainha, a Estácio é minha segunda família,minha segunda casa então ver a escola crescer é uma felicidade imensa por que eu vivo o carnaval, faz parte da minha vida,o ano todo.Estou pronta.

E sobre a fantasia

– Então , até pra mim está uma incógnita,os carnavalescos estão preparando uma coisa tão maravilhosa que eles ainda não conseguiram finalizar para me entregar.

Já passava das 5h da manhã quando foi anunciado o samba campeão, que a Estácio de Sá levará para avenida no carnaval 2016. A obra que será o hino da agremiação, é de parceria dos compositores Edson Marinho, Adilson Alves, Jorge Xavier, André Felix, JB e Salviano.

A vermelha e branca terá a missão de abrir os desfiles do grupo especial no Domingo, dia 07 de fevereiro e o samba campeão embalará o enredo “Salve Jorge! O Guerreiro na Fé”, desenvolvido pelos carnavalescos Amauri Santos,Tarcísio Zanon e Chico Spinoza.

Crédito das Fotos: Alex Sandro Gardel / Divulgação

Luana Bandeira - coleguinha do programa "Caldeirão do Huck"

Luana Bandeira – coleguinha do programa “Caldeirão do Huck”

Luana Bandeira - coleguinha do programa "Caldeirão do Huck"

Luana Bandeira – coleguinha do programa “Caldeirão do Huck”

Luana Bandeira - coleguinha do programa "Caldeirão do Huck"

Luana Bandeira – coleguinha do programa “Caldeirão do Huck”

Anúncios

Ator Marcos Frota será o Palhaço Carequinha no desfile da Porto da Pedra no carnaval Carioca 2016

No Carnaval de 2016 a vermelha e branca de São Gonçalo homenageará o Palhaço Carequinha, no ano do Centenário do seu nascimento.

Por conta disso, na tarde de ontem, o presidente da escola Fabio Montibelo, acompanhado da primeira dama da escola, Maria Laura e do Diretor de Carnaval, Paulo Brandão, estiveram no Unicirco, de propriedade de Marcos Frota, e convidou o ator para representar o nosso homenageado no desfile do ano que vem. Emocionado, o ator falou sobre a importância de Carequinha no cenário circense: “Se tem dez nomes na história do circo de todos os tempos um deles é carequinha. A Porto da Pedra vai pegar a energia dele e levantar a Sapucaí. O Carequinha tem uma contribuição importantíssima na história circense. Por incrível que pareça como todo visionário, percussor, ele foi muito criticado. Porque na época, ele rompeu  com a tradição do circo, tirou o circo do picadeiro e levou para a televisão e aí foi muito criticado. Só que se não fosse esse movimento, talvez o circo não tivesse passado a ponte dos anos 60, 70 para os anos 80, porque ao lado das telenovelas e de telejornalismo, o circo encontrou também o seu espaço na televisão, porque a partir daí vieram todo os movimentos circenses. Então, por exemplo, profissionais como o Renato Aragão, Beto Carrero devem muito ao carequinha. E o carequinha com seu pioneirismo, abriu a possibilidade de muitos outros artistas que não são de família circense ocuparem a cena circense. A escola nacional de circo da praça da bandeira veio muito na esteira disso, formar uma  nova geração de artistas. Esse é apenas um dos aspectos do carequinha. É muito difícil você construir uma carreira de 30, 40, 50, 60 anos dedicada ao circo como ele fez. O fato é o seguinte, se não fosse uns malucos como o carequinha, muita gente não estaria trabalhando em circo hoje. Por que antigamente,  a atividade circense, era só dirigida para filhos de gente de circo. Então o movimento do novo circo brasileiro que é a intrépida trupi, parlapatões e um montão de gente  pelo país a fora, deve-se muito a uma pessoa como o carequinha.” disse.

Além de aceitar o convite, Marcos confirmou presença na nossa final de samba-enredo que acontecerá no dia 21 de agosto.

O enredo da Porto da Pedra para o carnaval de 2016 será “Palhaço Carequinha, paixão e orgulho de São Gonçalo. Tá certo ou não tá?”, e será desenvolvido pelo carnavalesco Jaime Cezário.

Crédito das fotos:  Ana Cristina Victória / Divulgação

Viviane Araújo e o ator Paulo Dalagnoli de Malhação, curtem ensaio do Salgueiro

A atriz Viviane Araújo, que é rainha de bateria da escola de samba Acadêmicos do Salgueiro, compareceu na noite do último sábado (27), na quadra da agremiação no bairro do Andaraí no Rio de Janeiro, em mais um ensaio rumo ao carnaval 2016.

Atenciosa e simpática como sempre, Vivi posou para fotos e posteriormente sambou dando um show com o seu tamborim a frente da bateria furiosa que possui no comando o mestre Marcão, que juntamente com os ritmistas, dão o tom dos ensaios da vermelho e branco.

Viviane que estava com um vestido bem justo na cor preta e com diversos recortes e estampas de flores, também sambou juntamente com as passistas da agremiação e posou ao lado do jovem ator, Paulo Dalagnoli, da novela Malhação, o qual também foi prestigiar o ensaio.

Vale lembrar que recentemente, o ator Paulo Dalagnoli, que interpreta o Lírio da novela Malhação, recebeu o convite do carnavalesco André Machado, da escola de samba X9 Paulistana, de São Paulo, para desfilar no carnaval de 2016, estreando assim no Sambódromo do Anhembi.

Crédito das Fotos: Alex Nunes / Divulgação

Luana Bandeira, assistente de palco do Caldeirão do Huck, quase mostra demais em samba carioca

Luana Bandeira, assistente de palco do Programa Caldeirão do Huck e rainha de bateria da Escola de Samba Carioca, Estácio de Sá, exibe boa forma em ensaio na quadra da escola na noite da última sexta-feira (05), no centro do Rio de Janeiro.

Com um vestido prata e cheio de franjas e brilho, a morena quase mostra demais enquanto samba.

Crédito das Fotos: Daniel Pinheiro / Divulgação

Maria Bethânia será a grande homenageada no enredo da Mangueira no carnaval carioca 2016

Leandro Vieira e Maria Bethânia - Foto: Divulgação

Leandro Vieira e Maria Bethânia – Foto: Divulgação

“Maria Bethânia: A Menina dos Olhos de Oyá” é o título do carnaval que será apresentado pela Estação Primeira de Mangueira em homenagem a cantora Maria Bethânia em 2016.
Desenvolvido pelo carnavalesco Leandro Vieira, a escolha do tema oficial reforça uma das mais reconhecidas e bem sucedidas vocações da Verde e Rosa em homenagear personalidades do cenário cultural brasileiro. A cantora baiana entra para uma criteriosa galeria onde figuram sambas antológicos e desfiles memoráveis em homenagem a nomes como Carlos Drummond de Andrade, Chiquinha Gonzaga, Braguinha, Caymmi, Nelson Cavaquinho e Chico Buarque de Holanda.
O enredo promete um desfile baseado na vida e na obra da cantora que há cinquenta anos marca o cenário da música brasileira. O desenvolvimento do tema abordará a obra musical da cantora, sua relação com a poesia, com o teatro, além de abordar aspectos culturais ligados a Bahia, e, sobretudo, a região do Recôncavo.
“Homenagear a Bethânia é uma ideia que estava guardada na gaveta faz tempo. Na Mangueira especificamente me senti confortável para levar o projeto adiante já que aqui ele encontra “terreno fértil” para atingir a plenitude de seu desenvolvimento. Aos meus olhos, revela potencial para levar a Escola ao resgate de seu período áureo. O enredo junta vocações tradicionalmente bem sucedidas na Mangueira: homenagem, aspectos nordestinos, cultura afro e universo musical. Acredito que esses ingredientes serão os temperos da nossa volta por cima”, finalizou o carnavalesco Leandro Vieira.

Viviane Araújo prestigia o primeiro ensaio rumo ao carnaval 2016 do Salgueiro

Na noite do último sábado (30), Viviane Araújo, fez questão de comparecer ao primeiro ensaio da escola de samba Salgueiro, rumo ao carnaval 2016.
Com um macacão todo brilhante e um generoso decote, Viviane posou para fotos com o casal de mestre sala e porta-bandeira, Sidclei Santos e Marcella Alves, com os passistas da agremiação e deu um show a frente da bateria do Salgueiro.
Crédito das Fotos:  Alex Nunes / Divulgação