IMESB assina parceria de cooperação técnica-educacional com o Fórum de Desenvolvimento 2000

O IMESB (Instituto Municipal de Ensino Superior de Bebedouro “Victório Cardassi”) apresenta no dia 27 de novembro, (quarta-feira) às 19h30, o Programa de Sustentabilidade Microrregional, derivado de uma parceria técnica-educacional com Fórum de Desenvolvimento Bebedouro 2000, presidido por Ângela Maria Macuco do Prado Brunelli.

A apresentação do programa abrirá oficialmente o evento, em seguida haverá mesa redonda, onde os docentes vão abordar os temas “Sustentabilidades nas Empresas”, com o professor-mestre Luis Antonio Nogueira, “Desenvolvimento Econômico”, pelo professor doutor Christian Carvalho Ganzert e “Políticas Públicas” com a professora doutora Luciléia Aparecida Colombo.

A parceria tem como objetivo viabilizar a criação de um sistema de banco de dados referentes aos dados socioeconômicos e ambientais de Bebedouro e microrregião (Colina, Jaborandi, Monte Azul, Morro Agudo, Pirangi, Pitangueiras, Taiaçú, Taiúva Taquaral, Terra Roxa, Viradouro, Vista Alegre do Alto).

A partir desta parceria, a instituição torna-se um centro de pesquisa, onde os principais benefícios serão inserir os alunos ao projeto, visando desenvolver habilidade investigativa para elaboração de planejamento estratégico municipal e criar novas oportunidades de trabalho e empreendimentos; estimular os alunos a serem multiplicadores dos conhecimentos sobre sustentabilidade em sua comunidade, além de criar e manter o banco de dados atualizados com informações administrativas municipais e da microrregião. Além de proporcionar e estimular, a integração, o treinamento e a pesquisa entre os acadêmicos.

Por meio da parceria com o Fórum de Desenvolvimento Bebedouro 2000, o IMESB terá subsídios para discutir assuntos relativos ao desenvolvimento sustentável, em especial ambiental e social do Município e microrregião, como o Plano Diretor de Desenvolvimento Sustentável da região de Bebedouro, a elaboração das políticas públicas e privadas na área de proteção ambiental, saneamento ambiental, no desenvolvimento sustentável na gestão de recursos hídricos, na elaboração de políticas para o desenvolvimento sustentável industrial, comercial, de serviços e agropecuário da região, nas áreas da saúde, educação e promoção social, cultura, esporte, segurança e infraestrutura.

Para a diretora,  Luciana de Oliveira Sene, a parceria proporcionará o desenvolvimento de pesquisas científicas, assim como de levar aos acadêmicos uma forma de aprendizagem holística, fortalecendo valores e atitudes, a fim de permitir o desenvolvimento global do ser humano, proporcionando conceitos básicos de sustentabilidade, de forma a oferecer aos mesmos, ferramentas de aprendizagem adequadas e motivadoras.

Além disso, “promover um trabalho interdisciplinar entre os diferentes cursos existentes no IMESB, o que será fortalecido com a chegada de novos cursos na Instituição (Arquitetura e Urbanismo, Engenharia de Produção e Engenharia Agronômica) que poderão agregar valor aos demais já existentes, assim como, de ampliar ações sociais na comunidade e região, voltadas para questões de sustentabilidade, nas suas diferentes vertentes, visando auxiliar a elaboração do Plano Diretor do município e de políticas públicas sustentáveis, conclui a diretora.”

Anúncios

Obrigado por participar!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s